dicasdamari

Dica da nutri: Qual leite tomar???

LEITE

Bom dia virtuosas!

A dica de hoje vai ajudar na escolha do diferentes tipos de leites presentes no mercado…

O leite é basicamente composto de água, onde são dissolvidos lactose, proteínas, sais minerais e uma pequena porcentagem de gordura, que varia para cada tipo de leite. Sendo que a composição pode ser alterada, de acordo com os seguintes fatores: raça, período de lactação, idade, cio, características individuais, alimentação, saúde, clima, espaço entre as ordenhas e estação do ano. Uma grande variedade de leites formulados, líquidos em pó, tem sido encontrada nas prateleiras de diferentes mercados.

O leite é classificado seguindo seu modo de produção, composição e requisitos fisicoquímicos e biológicos. Ele recebe as denominações A, B ou C que são determinadas a partir da contagem de microorganismos presentes no leite.

A bebida láctea pode passar pelo processo de pasteurização, que varia entre lenta ou rápida. Esse tratamento serve para garantir ao consumidor um leite de melhor qualidade, livre de microorganismos.

O leite tipo A é oriundo de um controle mais rigoroso na produção e higienização do leite. O leite é pasteurizado e embalado na própria fazenda, existindo, portanto, uma menor quantidade de microrganismos.  O leite tipo B é um leite que tem uma qualidade quase tão boa quanto o leite tipo A, mas a pasteurização pode ser feita em um centro de pasteurização, junto ao de outras fazendas. Já o leite tipo C é um leite que quase não possui normas de higiene na ordenha, podendo a sua coleta ser manual ou mecânica, sendo geralmente transportado em latões sem refrigeração até o centro de pasteurização, tendo uma maior quantidade de microrganismos.

O leite também é classificado segundo a legislação brasileira, em função do teor de gordura, recebendo diferentes denominações e são classificados da seguinte forma: a) com creme; no mínimo de 6,0%; b) integral: mínimo de 3,0%; c) parcialmente desnatado: máximo de 2,9%; e d) desnatado: máximo de 0,5%.

Então, agora é correr para o mercado e escolher o leite que mais adequa ao seu estilo de vida.

Beijos da Mari!!!

mari

Dicas da Nutri: Vitamina D + receitinha de Crepioca!

Boa tarde virtuosas!

Vocês sabiam que a vitamina D é considerada uma das mais importantes para o organismo??

A vitamina D é muito conhecida pela sua função no desenvolvimento e na manutenção do tecido ósseo, bem como pelo equilíbrio do cálcio e do fósforo. Porém, estudos recentes sugerem o envolvimento dessa vitamina em diversos processos celulares vitais, como: diferenciação e proliferação celular, secreção hormonal, assim como no sistema imune e em diversas doenças crônicas não transmissíveis. A síntese cutânea pela exposição solar é a principal fonte de vitamina D, sendo o restante obtido pela alimentação e pelo uso de suplementos.

Após a produção na pele, a vitamina D entra na circulação e é transportada para o fígado. Nesse órgão ocorre a primeira hidroxilação desta vitamina, que posteriormente será secretada no plasma. Para se tornar ativa, ela é metabolizada por uma enzima nos rins. A produção desse metabólito é controlada principalmente pela concentração de paratormônio (PTH), cálcio e fósforo séricos.

A vitamina D é crucial para absorção de cálcio nos ossos. Ela é um hormônio fundamental, prova disto é que absolutamente todas as células de nosso corpo possuem receptores para essa vitamina, que também está associada metabolicamente a mais de 2000 genes funcionais, ou seja, 10% de nossos genes funcionais são dependentes dela.

Atualmente, a deficiência de vitamina D tem sido considerada um problema de saúde pública no mundo todo, em razão da sua participação no desenvolvimento de diversas doenças. Apesar da suposta maior exposição solar em nosso país, concentrações insuficientes de vitamina D sérica são também são comuns. O grande número de publicações que identificam uma inadequação na concentração sérica de vitamina D em todo o mundo tem despertado o interesse de estudiosos, que frequentemente identificam a relação dessa vitamina não somente com a osteoporose, mas também com o desenvolvimento de diversas doenças.

Assim, virtuosas é muito importante a exposição solar diária em horários adequados, por pelo menos 20 minutos, sem uso de filtro solar.

E para completar, olhem que dica rápida, prática e deliciosa vou deixar para vocês….

Estão sem tempo de preparar o jantar?! Então confiram….

CREPIOCA

 

INGREDIENTES

01 ovo

01 clara

01 colher de sopa de goma de tapioca

01 colher de sopa de tomates cortado em cubos

01 colher de sopa de cenoura ralada

Cheiro verde á vontade

MODO DE PREPARO

Misture todos os ingredientes, batendo com um garfo e coloque uma pitadinha de sal. Em seguida, coloque a mistura em uma frigideira anti –aderente.

Simples né?!
Bjos Mari

 mari

 

Benefícios da chia + receitinha saudável!

Olá virtuosas!

Hoje nós vamos falar de uma sementinha que pode trazer muitos benefícios para nossa saúde: a chia!

A chia é uma semente originária da Colômbia e do México é rica em ácidos graxos poli-insaturados ômega-3 e ômega-6, proteínas,além de minerais como cálcio, ferro e potássio, vitaminas e ainda, grande quantidade de fibra alimentar e a presença de polifenóis.

Por conter compostos fenólicos a Chia também é utilizada como fonte natural de antioxidantes. Sua semente é considerada como uma boa fonte proteica por possuir um teor de 19% a 27% de proteínas. Dentre elas são encontrados grandes quantidades de aminoácidos importantes, como: ácido glutâmico, arginina e ácido aspártico. A proteína isolada da chia possui a capacidade de reter óleo e água, o que pode ser atrativo como um aditivo para o melhoramento de emulsões alimentícias, em indústrias de panificação e de embutidos. Aproximadamente 34,6% de sua semente écomposta por fibras alimentares que auxiliam o funcionamento intestinal.

Dessa forma, a semente de chia é um ótimo alimento para ser colocado no cardápio, devido a suas características funcionais, tais como:

– Aumento da saciedade;

– Melhora do funcionamento intestinal;

– Redução do risco do surgimento de doenças cardiovasculares;

– Ação anti-inflamatória;

– Combate aos radicais livres;

– Controle do diabetes;

Além disso, o uso da chia é muito importante para praticantes de atividade física, pois tem o poder de absorver e reter água, aumentando a hidratação e mantendo os estoques de minerais no organismo.

Que tal inserir a chia hoje mesmo no seu cardápio?!

Vamos para a receitinha??

Geleia de chia

Que tal substituir a sua geleia açucarada por uma geleia saudável de chia?!

INGREDIENTES

– 4 colheres de sopa de suco integral de uva

– 1 colher de sopa de chia

MODO DE PREPARO

Colocar em um recipiente o suco de uva integral e a chia. Em seguida, levar a geladeira e deixe descansando por um dia em recipiente fechado.

Espero que tenham gostado!

Bjs, Mari.

Mari